Cachoeira do Tabuleiro – a mais alta de MG

Curte cachoeiras? Então você não pode deixar de conhecer a Cachoeira do Tabuleiro, a 3ª mais alta do Brasil e a mais de alta de Minas Gerais, com 273 m de altura (o equivalente a um prédio de 91 andares!). Localizada em Conceição do Mato Dentro, cidade que faz parte da Estrada Real, o acesso para vê-la de longe é fácil, mas o trajeto para chegar até ela já pede um pouco mais de esforço. Mas vou te contar tudo, vem comigo.

Cachoeira do Tabuleiro – como chegar na cachoeira mais alta de MG

Tabuleiro é um distrito de Conceição do Mato Dentro e fica a cerca de 180 km de distância de Belo Horizonte. O acesso é via MG 10, passando pela Serra do Cipó. A estrada é toda asfaltada até Conceição do Mato Dentro. De lá basta seguir as placas e ficar atento, já que o percusso final é em estrada de terra bem esburacada. São 20km nesta estrada.

Procurando hospedagem? Reserve pelo Booking, site onde normalmente faço minhas reservas. Recomendo também o Airbnb, onde é possível alugar a casa inteira ou apenas 1 quarto, deixando a viagem ainda mais econômica! Cadastre no Airbnb usando este link e ganhe R$85 de desconto na sua primeira hospedagem.

 

O distrito é bem pequeno, quase um vilarejo. Para se hospedar, o viajante pode optar por pousadas (a Pousada Gameleira é um charme!), hostel filiado ao Hostelling Internation, o Tabuleiro Eco Hostel ou alugar casas com os moradores. Apesar de pequeno, o distrito tem inúmeras cachoeiras e cada uma mais linda que a outra, vale conhecê-las também.

Leia aqui sobre a Cachoeira Congonhas e Poço Pari, também em Tabuleiro.

Assim é o distrito de Tabuleiro-MG

Assim é o distrito de Tabuleiro-MG

Localizada dentro do Parque Municipal Ribeirão do Campo, no Parque Estadual da Serra Geral do Intendente, (a 2km do vilarejo, dá pra ir de carro) é possível avistar a cachoeira já na entrada do parque. Fazendo uma leve trilha chega-se ao mirante, onde se tem a melhor vista e a imagem tradição do “cartão postal”, com o paredão em forma de coração, a queda, o poço e o riozinho.

Importante: o parque cobra um valor de entrada. Quando fui, uns anos atrás, era R$10. Não sei o valor atual.

Existem duas formas de chegar na cachoeira (nas duas é importante estar com um guia. Pode pedir indicação perguntando no próprio parque ou nas pousadas): o caminho mais curto é pegando a trilha que margeia o rio em uma caminhada de 2,5k, mais ou menos uma hora e meia. O caminho é por sobre as pedras e alguns desfiladeiros, então todo cuidado é pouco. Importante ir devagar e com calçado ideal. Por lá chega-se na queda d’agua e no poço, de aproximadamente 20m de profundidade. Dependendo da época, se o volume não estiver muito grande, a água chega lá embaixo em forma de vapor. Mesmo assim a vista é linda.

Outra forma de se chegar à cachoeira é fazendo a trilha para o topo, que foi a que eu fiz. Neste caso, a caminhada são de cerca de 8 km, o que equivale a cerca de 4 horas (só de ida!) para os mais sedentários tipo eu. O caminho é longo mas é maravilhoso, todo o trajeto parece cartão postal, é lindo demais! Quando se está chegando, antes da queda principal existem outros poços excelentes pra banho e a vista é inacreditável. A sensação de saber que você está no alto daquela cachoeira imensa que vê lá da entrada do parque é maravilhosa.

É interessante deitar nas pedras e ver toda a água caindo. Confesso que fiz isso por cerca de 3 segundos, altura me dá vertigem. Mesmo tremendo, consegui segurar a câmera e fazer imagens como esta:

Cachoeira do Tabuleiro - vista de cima

Cachoeira do Tabuleiro – vista de cima

Portanto, como a viagem é longa, descansamos por cerca de 2 horas e logo nos preparamos pra mais 4 horas de volta. Cansativo demais, mas é uma experiência única. Sério, quando a gente olha pra uma cachoeira não consegue imaginar o quão maravilhoso é o “por trás” da queda. É um mundo mágico, impossível de descrever por fotos ou textos. Só vivendo mesmo. Então bora cair na estrada?

Dicas:
– Lá não pega celular, muito menos internet. Portanto, leve dinheiro trocado. Cartão, sem chance.
– O vilarejo é bem pequeno, com um mercadinho e alguns poucos bares/restaurantes. Se quiser almoçar ou algo do tipo, convém conversar antes e já deixar combinado.
– Posto de gasolina só em Conceição do Mato Dentro, vá com o carro bem abastecido!
– Aquelas regrinhas que sempre repito em posts dobre natureza: JAMAIS deixe lixo por onde passar. Leve uma sacola para trazer todo o seu lixo de volta e até recolher o lixo dos porquinhos que passaram por ali. Som alto nos carros? Jamais! Respeite a rotina dos moradores, não faça barulho, seja educado.

cachoeira-tabuleiro-mg-5

Cachoeira do Tabuleiro em dia com grande volume de água.

cachoeira-tabuleiro-mg-4

Cachoeira do Tabuleiro em dia com pequeno volume de água. Estações do ano diferentes.

cachoeira-tabuleiro-mg-2

Último poço de água antes da queda!

cachoeira-tabuleiro-mg (8)

Trilha até o topo da Cachoeira do Tabuleiro.


cachoeira-tabuleiro-mg (7)

cachoeira-tabuleiro-mg (6)

cachoeira-tabuleiro-mg (5)

canela de ema, flor muito presente na região da Serra do Espinhaço

cachoeira-tabuleiro-mg (4)

cachoeira-tabuleiro-mg (2)

Grande volume de água. Nem sempre ela está desse jeito, isso foi após um período de muita chuva.

cachoeira-tabuleiro-mg (1)

É logo ali, depois desse pocinho, que acontece a queda de 273m de altura!

One Reply to “Cachoeira do Tabuleiro – a mais alta de MG”

  1. Samuel Cachoeira Tabuleiro

    Gratidão Amanda pelo carinho, considerações e por divulgar as cachoeiras gigantes do Brasil, Minas Gerais e a cachoeira do coração Tabuleiro, única do mundo em cristal de quartzo .
    Sou Samuel guia e proprietário da Pousada da Gameleira.
    Será um grande prazer receber e guiar voce pela cachoeira do Tabuleiro e outras 70 cachoeiras na região, maravilhas do nosso quintal, compartilhando energias e vivencias espirituais, reforçando o encontro da vida na natureza e nossa arvore gameleira com 458 anos.
    Paz luz felicidades.
    Inté namaste!
    Samuel ace
    reserva@pousadadagameleira.com.br
    31-99263-2968 whatsapp

Deixe uma resposta